02 janeiro, 2012

aos tiros

o grupo jerónimo martins bazou... a ver quem vai atrás. o vitinho deu um tiro no pé. sorri perante o resultado das cobranças coercivas do passado ano. a ver vamos como será num futuro que se prevê com menos funcionários. é claro que se podem ir buscar funcionários à saúde e à educação que não dão dinheiro e por isso não interessam nada como diria a apresentadora do pior programa televisivo de sempre. bem pode o gaspar pôr funcionários a cobrar porque de outra maneira não me parece que se safe. senão vejamos: porque é que o governo quer que os contribuintes peçam recibos de tudo e de mais um par de botas? obriga quem não pagava iva a pagar e fica a saber tim por tim tim da vida de todos nós. desengane-se quem pensa que se trata apenas de contribuirmos para passarmos a pagar menos. está visto que com estas medidas e falta de visão a cobrança de impostos não alcançará os níveis necessários e daqui a três ou quatro meses teremos novas medidas de austeridade. desengane-se também quem ainda canta de galo porque não cantará por muito tempo... quem sabe o pedro arranja um tacho qualquer na europa e também baza... para a holanda tomar conta de negócio lícitos e honestos que o rapaz é gente séria segundo dizem e eu não sou ninguém para duvidar. do que eu duvido mesmo é das cabecinhas pensadoras como a dele...
Enviar um comentário